Seguidores

sábado, 22 de abril de 2017

Violeta na Janela (Decanato Poético)











Quando me encontro sozinha
Seja na sala ou na cozinha
Parece que a poesia advinha

Dita versos ao meu ouvido
Como quem  faz um pedido
E com meu linguajar tímido

Largo tudo,  pego a caneta
Me inspiro olhando a violeta
Que recebe o beijo da borboleta


Oh Poesia, em meu coração fazes festa!  
dinapoetisadapaz

Exercício para joanete

Enquanto buscava imagens para brincar com a Chica 
me deparei com essa de grande valia 
para os portadores de Joanete,
è um ótimo exercício.



O Ato de Aprender (Decanato Poético)












A escola está pronta esperando a garotada
Professora está a postos, vamos meninada
É hora de recomeçar a nossa caminhada.

Estudar é preciso, amanhã vai lhe servir
Não fique alienado, outro caminho não vá seguir
Uma vida sem estudos em nada se pode intervir

Aluno é como filho, pois o mestre também lhe ama
Deseja vê-lo crescendo com ele, cada vez que o mestre reclama
Atenda-lhe e não faça nenhum drama.


O ato de aprender só nos engrandece.


Estilo Poético criado por Norma Mª silva

Agradecimento ao Senhor (Decanato Poético)

Obrigada pela luz que nunca me negaste
E pelos tantos caminhos que pude trilhar

E neles pisar com retidão, pelo entendimento
Da tão necessária redenção a vós, Senhor.

É no fim de cada dia e a cada amanhecer
Que devo e preciso, por tudo, a vós agradecer.

Oh Pai! Ilumina os corações violentos
Que seja hasteada a bandeira branca da Paz

Precisamos tanto da vossa intervenção, Senhor.
A violência está dizimando a humanidade... Salva-nos!




Estilo experimental criado pela poetisa Norma Aparecida Silveira

Brincando com a Chica Num 13

Esse bloguinho estava  quietinho,  e nada melhor para  ativá-lo que a brincadeira da Chica

Vamos brincar com a chica num 13?

http://sementesdiarias.blogspot.com.br


Minhas frases:




1- DEDÃO  no ponto Do-in elimina dores



2- Cavalheiro do pé pesado, amassou meu DEDÃO!



sexta-feira, 21 de abril de 2017

Estrada da vida (Decanato Poético)









Na nossa estrada da vida
Estamos sempre de partida
Por tanto, amemos sem medida.

Esquecer todo e qualquer preconceito
É requisito básico que surte efeito
E ajuda a engrandecer nossos feitos

Temos que ter tempo para tudo
Saber separar o linho do veludo
Preparar o coração para viver bem nesse mundo.

 Rogar a Deus discernimento e seguir seus ensinamentos.
dinapoetisadapaz

Estilo criado por Norma Aparecida Silveira Moraes
http://www.recantodasletras.com.br/teorialiteraria/5166199